Buscar
  • Karen Bassi

A expectativa e a realidade quando o assunto é dor lombar

No quesito "pesquisas na internet", a dor lombar só perde para a enxaqueca. Sabia disso?! Pois é, dor lombar é extremamente comum.


Até aqui já falamos muito sobre postura e a não importância de uma ideal (pois não existe); uso de medicamento; tratamento entre outras coisas. Vamos colocar agora em ordem, alinhando o que gostaríamos que fosse, e como é de verdade


Quando o assunto é dor lombar - "Eu acho que: deve ser uma hérnia enorme, só pode. Não passa a dor, tomo o remédio e ela volta"

- O que realmente é: na grande maioria das vezes, a dor lombar é de origem postural ou muscular. Sendo assim, seu tratamento é muito mais fácil do que parece. Em alguns casos pode ser sim hérnia, mas também tem seu tratamento específico com excelentes resultados.


Quando o assunto é diagnosticar a dor lombar - "Eu acho que: só uma ressonância pode responder"

- O que realmente é: muitas vezes não é necessário realizar nenhuma exame. O principal é ser avaliado pela Fisioterapeuta para realizar testes específicos.


Quando o assunto é tratamento da lombar - "Eu acho que: só um remedinho e pronto. Vai passar"

- O que realmente é: medicamento só quando muito aguda a fase. Após essa fase, tratamento com foco na musculatura, mobilidade, movimento e essas orientações, levar para a vida.


Quando o assunto é atividade física - "Eu acho que: deve piorar a dor lombar. Vou parar sempre que doer"

- O que realmente é: já é comprovado que o movimento é o segredo do sucesso da dor lombar. Quando doer, diminua ou pare aqueles que realmente te causam ou lembram a dor. Mas não pare de se mexer. Faça os de pouco impacto, e aos poucos, vai retornando.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A dor no joelho pode vir de diversas situações, podendo ser localmente a causa (no próprio joelho) ou reflexo de outro local (não necessariamente no joelho, mas que refere ali). Pode surgir pelo desga

Mais um conteúdo com o objetivo de quebrar mitos que ouço das pessoas e de alguns pacientes Mito 1: "minha coluna é frágil" Veja bem, a não ser que você tenha um diagnóstico em que seus ossos realment

Nosso corpo se acostuma com um colchãoe um travesseiro da mesma forma que se acostuma com a roupa, o sapato, o banco do carro e por aí vai. É estranho a mudança inicial mesmo O que acontece é que muit